ArtigosNotícias Nacionais e InternacionaisPatriota Nacional

Patriota incorpora PRP e passa a Cláusula de Barreira

O PATRIOTA após a incorporação com o PRP em 7 de novembro do ano passado, passa a ser maior que tradicionais siglas partidárias

Na última eleição entrou em vigor a lei chamada cláusula de barreira, também conhecida como cláusula de desempenho (PEC 33/2017). Essa PEC substitui a lei nº 9096/95 que teve sua vigência até 2006, quando o Ministro do Supremo Tribunal Federal – Marco Aurélio Mello, a considerou inconstitucional. Esse impedimento se deu não por um debate público, mas sim, por lobby de legendas por temerem não atingir as regras.

O objetivo é restringir o acesso dos partidos a recursos do Fundo Partidário e ao tempo de rádio e TV, a proposta cria uma espécie de cláusula de desempenho, com exigências gradativas até 2030.

Na eleição de outubro passado, 35 partidos concorreram aos cargos eletivos, Presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Estaduais e Governadores, mas por não atingirem o número suficiente de votos, 17 legendas podem deixar de existir entre elas estão o Patriota 51 e PRP 44 (Partido Republicano Progressista).

O PATRIOTA após a incorporação com o PRP em 7 de novembro do ano passado, passa a ser maior que tradicionais siglas partidárias como; PTB, PSC, PPS, Solidariedade, PRÓS, Avante, PCdoB, PV, essa superioridade se dá não apenas em número de legislaturas vigentes, mas em número de votos.

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Um Comentário

  1. Vamos avante juntos seremos mais fortes, estou filiado recente no Partido na Cidade de Seara SC.
    Temos tudo para crescermos e mudar nossa cultura e postura Brasiliana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar