Na Mídia

Ministro suspende eleições suplementares em Italva

TALVA/RJ – Horas antes do início da convenção partidária do Patriota que apontaria os candidatos a prefeito e a vice-prefeito nas eleições suplementares de Italva, previstas para 21 de junho, uma decisão cautelar do ministro Geraldo Og Nicéas Marques Fernandes, do Tribunal Superior Eleitoral – TSE, suspendeu a realização do pleito até a decisão final do pleno da Corte.

– O nosso diretório soube dessa decisão já na sexta-feira já no final de noite, mas mantivemos a nossa convenção. Discutimos outros assuntos e deixamos encaminhadas a indicação para o pré-candidato a prefeito e para uma possível parceria com outra legenda para indicar o pré-candidato a vice. Mas nada foi oficializado em virtude da decisão do Ministro do TSE – disse o presidente do diretório municipal de Italva – Jorge da Saúde.

O ministro do TSE tomou sua decisão com base em uma anterior, da ministra Rosa Weber. Ela suspendeu a eleição suplementar para o cargo de senador (e respectivo suplente) no estado do Mato Grosso, que se realizaria no último dia 26 de abril.
A presidente estadual do Patriota, Eliane Cunha, que havia protocolado uma petição junto ao Tribunal Regional Eleitoral – TRE neste sentido, ficou satisfeita com a decisão.

– Houve bom senso do eminente ministro que viu não ser aceitável realizar uma eleição nessas condições. Seria colocar o povo sob um risco absolutamente desnecessário – afirmou a dirigente.

Mostrar mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo